Aeroporto do Recife. Foto; Guga Matos

Os efeitos da pandemia da Covid-19 têm causado forte impacto no turismo nos últimos meses. Apesar disso, em Pernambuco, o segmento começa a dar sinais de retomada. Segundo dados do Aeroporto Internacional do Recife – hoje administrado pela espanhola Aena – houve um aumento de 58,5% na movimentação de passageiros no comparativo de junho em relação a maio deste ano.

Mais de 96 mil pessoas passaram pelo Aeroporto do Recife no mês passado, embarcando ou desembarcando no terminal. Além disso, o Estado saltou de 30 voos (pousos e decolagens) diários em junho, para 58 voos neste mês de julho. A Azul Linhas Aéreas, que mantém hub no Aeroporto Internacional dos Guararapes, e a GOL ampliaram frequências ligando o Estado a todo Brasil.

Todos estes números confirmam a posição do Aeroporto do Recife como a principal porta de entrada do Nordeste. Para se ter uma ideia, o Aeroporto de Salvador, outro terminal de destaque na região, demonstrou crescimento de 39,5% no período, atingindo movimentação de pouco mais de 56 mil passageiros.

“Nós sabemos que o momento é de preservar a saúde de todos, de ter muito cuidado e seguir os protocolos que estão sendo anunciados. O Governo de Pernambuco está evoluindo com o plano de convivência com a Covid e as atividades do turismo, aos poucos, voltam a funcionar, sempre com muita cautela. Em parceria com a Aena e as companhias aéreas, fazemos um esforço para recompor a malha aérea de nosso Estado ao longo deste processo de retomada da economia”, afirma o secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes.

Os bons resultados na aviação aliam-se ao avanço diagnosticado na Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE. Em maio, último mês com dados avaliados pelo instituto, o Turismo de Pernambuco cresceu 7,9% no índice de atividades turísticas em relação a abril. O resultado conquistado supera a média nacional, que ficou em 6,6%. Outros Estados do Nordeste, a exemplo da Bahia e do Ceará, também com importante presença no setor, obtiveram 0,4% e -4,4%, respectivamente.

Pernambuco também apresenta melhora no índice de receita nominal das atividades turísticas, com incremento de 9,3%. O número coloca o Estado à frente do Brasil (7,9%), e de outros da região, como Bahia (2,6%) e Ceará (-2,8%).

Com mais voos, Aeroporto do Recife tem movimentação de quase cem mil passageiros em junho
Classificado como:            

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *