Armando propõe ações para Pernambuco voltar a crescer e gerar empregos

Armando Monteiro em evento da Câmara de Comércio Americana (AmCham), em Recife. Foto: Leo Caldas

Criar um ambiente favorável à volta do crescimento sustentável de Pernambuco, baseado em eixos fundamentais para a retomada do desenvolvimento e geração de emprego. Este é o desafio que o próximo governador terá que encarar, segundo afirmou o candidato da coligação Pernambuco Vai Mudar, senador Armando Monteiro (PTB), na manhã desta segunda-feira (13), em evento promovido pela Câmara de Comércio Americana (AmCham), na sede da entidade no Recife, no Pina, Zona Sul da capital.

Armando falou por cerca de uma hora para uma plateia de 120 associados da entidade, com empresários de diversos setores, como construção civil, tecnologia e indústria alimentícia, na primeira rodada de palestras que a AmCham  está fazendo nos Estados com os principais candidatos ao governo. Aliás, Pernambuco foi o Estado escolhido para o início da série, que ainda terá São Paulo, Rio Grande do Sul e Minas Gerais.

Para Armando, o quadro que Pernambuco vive é grave. “Já estamos acima do limite prudencial, com 49% da receita corrente líquida destinada a pessoal. Se somarmos o custeio, sobra algo muito inexpressivo para investimentos. Isso num ambiente de total deterioração da infraestrutura, com a malha viária em estado deplorável, por exemplo”, afirmou Armando.

Sobre isso, Armando lembrou que há muitos cargos comissionados na estrutura governamental e que pretende trabalhar em uma lei estadual que regule a governança nas empresas estatais, com critérios estabelecidos em méritos e não no que ele chamou de “arranjos políticos nefastos”. “Houve recentemente trocas de última hora em pontos-chave da administração. Precisamos  proteger essas empresas de influências nefastas”, reforçou o senador.

Questionado por um participante do evento a respeito do receio que muitos empresários têm em fornecer para o governo do Estado, Armando lamentou que “Pernambuco esteja tratando mal os seus prestadores de serviços: há R$ 1,3 bilhão em restos  e atrasos consideráveis na folha de pagamento de terceirizados, em áreas importantes como a saúde”.  O candidato alertou que os fornecedores devem ter tratamento isonômico. “A solução é criar um programa de compras governamentais e estimular a economia do Estado. É preciso muita transparência e controles adequados, um maior controle social para evitar problemas que, muitas vezes, se traduzem em práticas de corrupção”, enfatizou.

TRE manda Facebook tirar fake news contra Mendonça Filho do ar

O deputado e candidato a senador, Mendonça Filho (Dem), ganhou mais uma ação na Justiça Eleitoral contra fake news. O Tribunal Regional Eleitoral determinou exclusão imediata de postagem falsa da página “Indignados de Pernambuco” no Face, que fez montagem em um vídeo atribuindo a Mendonça informações mentirosas de um suposto envolvimento dele na operação Lava Jato. “Mendonça não é investigado, nem responde a processos na Justiça. É ficha limpa”, afirmou o presidente estadual do Democratas, José Fernando Uchôa. Na decisão, o TRE determina que seja investigado o responsável pelas publicações que promoviam propaganda irregular atingindo o deputado federal e candidato ao Senado por Pernambuco, José Mendonça Filho, e o candidato a deputado federal Vinícius Mendonça.

A decisão do TRE, com base na liminar de número 0600573-79.2018, entende que as postagens causam impacto negativo nas imagens dos candidatos, no intuito de manipular a verdade dos fatos e publicar informações caluniosas, difamatórias e injuriosas, utilizando-se de artifícios vedados pela legislação eleitoral, ao colocar o candidato José Mendonça Filho como presente nos autos do inquérito da Lava-Jato e atinge a honra também de Vinícius Mendonça.

A juíza Karina Albuquerque Aragão de Amorim determinou que o Facebook remova o post de conteúdos ofensivos e danosos a Mendonça e Vinicius no prazo de 24 horas; que informe, no prazo de 48 horas, quem criou e mantém, inclusive pagando por propagandas, o perfil “Indignados de Pernambuco” e a remoção de todo e qualquer impulsionamento e anúncios da mídia tanto no facebook, quanto no Instagram decorrentes do uso desta postagem.

“É importante destacar que Mendonça Filho nunca foi mencionado no inquérito da Lava-Jato”, afirmou José Fernando Uchôa. Por decisão do então ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, foi retirado do inquérito da Lava-Jato, petições apócrifas que mencionavam o nome do candidato ao Senado de forma errônea pela autoridade policial.  “Verifica-se que a postagem do perfil não traz a informação ou vídeo atualizados, sobre a situação de José Mendonça Bezerra Filho no inquérito da Lava-Jato, tampouco faz referência à decisão do Ministro Teori Zavascki nos auto do IP 4.117, onde é determinada a retirada da documentação erroneamente juntada aos autos”.

Com Zé Marcos se mexendo, mais um ex-prefeito anuncia apoio a Armando

Na reunião que fechou apoio da oposição de Santa Terezinha a Armando estavam Carlinhos Policial, Couro, Helder de Viana, Glauber, Delson Lustosa, Zé Marcos, Émerson Lustosa, Nodo de Gregório, Dr. Júnior e Manoel Grampão

Em Santa Terezinha, o ex-prefeito Delson Lustosa juntamente com seu grupo político anunciou apoio à pré-candidatura a governador do Senador Armando Monteiro (PTB). A informação é do Imaculada On Line.

O articulador político e coordenador da campanha no Pajeú, o ex-deputado Zé Marcos (PR), é tido como o padrinho do vira-virou. Ele esteve com Delson Lustosa mais os vereadores Adalberto Junior, Doutor Júnior (PR), Hélder de Viana (PSB), Nôdo de Gregório(PSB) e  Manoel Grampão (PR).

Diante disso, Delson, reuniu aliados e correligionários e decidiu marchar com o petebista. O ex-prefeito já foi do PTB. O grupo vai apoiar Ricardo Teobaldo Federal e a estadual Gustavo Gouveia.

 

Do Blog Nill Júnior

PIS/Pasep: resgate começa amanhã para trabalhadores de todas as idades

A partir desta terça-feira (14), trabalhadores de todas as idades que tiverem direito a cotas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) poderão sacar seus recursos. O prazo ficará aberto até 28 de setembro.

Desde o dia 8 de agosto, o crédito para correntistas da Caixa e do Banco do Brasil está sendo feito automaticamente. A partir de amanhã, todas as pessoas poderão sacar os recursos corrigidos. A partir de 29 de setembro, só será possível receber as quantias dos dois fundos nos casos previstos na Lei 13.677/2018.

Para saber o saldo e se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar os sites do PIS e do Pasep. Para os cotistas do PIS, também é possível consultar a Caixa Econômica Federal no telefone 0800-726-0207 ou nos caixas eletrônicos da instituição, desde que o interessado tenha o Cartão Cidadão. No caso do Pasep, a consulta é feita ao Banco do Brasil, nos telefones 4004-0001 ou 0800-729-0001.

Têm direito ao saque as pessoas que trabalharam com carteira assinada antes da Constituição de 1988. As cotas são os recursos anuais depositados nas contas de trabalhadores criadas entre 1971, ano da criação do PIS/Pasep, e 1988.

Quem contribuiu após 4 de outubro de 1988 não tem direito ao saque. Isso ocorre porque a Constituição, promulgada naquele ano, passou a destinar as contribuições do PIS/Pasep das empresas para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Até 2017, o saque das cotas era permitido quando o trabalhador completasse 70 anos, em caso de aposentadoria e em outras situações específicas. Desde o ano passado, o governo federal flexibilizou o acesso e até setembro pessoas de todas as idades podem retirar o dinheiro.

Em julho, o pagamento foi suspenso para o cálculo do rendimento do exercício 2017-2018. Na primeira etapa do cronograma, encerrada no dia 29 de junho, 1,1 milhão de trabalhadores fizeram o saque, retirando uma soma de R$ 1,5 bilhão.

Sebastião Oliveira garante R$ 10 milhões para obra do Agreste

O deputado federal Sebastião Oliveira conseguiu, junto ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, aprovar um crédito de R$ 10 milhões, que será utilizado nas obras de restauração e duplicação da BR-104, no trecho que liga o município de Toritama ao distrito de Pão de Açúcar. A intervenção beneficiará diretamente cerca de 50 mil pessoas que residem na região.

No total, a BR-104 está sendo contemplada com cerca de R$ 90 milhões em investimentos. Os recursos são frutos do convênio firmado entre o Governo de Pernambuco e o Ministério dos Transportes.

“Além de melhorar a qualidade de vida de milhares de pernambucanos, esta ação terá um importante impacto para o desenvolvimento econômico do Agreste Setentrional, já que facilitará o escoamento da produção do Polo de Confecção do Agreste, um dos mais importantes do País”, ressaltou Sebastião Oliveira.  “Uma das prioridades do nosso trabalho em Brasília é criar as condições para garantir mais geração de renda e emprego para a população”, concluiu o parlamentar e ex-secretário estadual de Transportes.

Com registro de Amoêdo, já são seis candidatos oficializados no TSE

O Partido Novo apresentou hoje ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o pedido de registro da candidatura do empresário João Amoêdo à Presidência da República. Até o momento, Amoêdo foi o candidato que declarou o maior patrimônio – R$ 425 milhões.

Na declaração, o presidenciável inclui casas, apartamentos, carros, joias, quadros, objetos de arte, título de clube, aplicações, embarcação, salas comerciais e depósito em conta corrente. O vice Christian Lohbauer declarou R$ 4,1 milhões.

O Novo é o sexto partido a registrar candidatura a presidente. O prazo para requer o registro se encerra às 19h da próxima quarta-feira (15) e o TSE tem até 17 de setembro para apreciar todos os pedidos.

Segundo dados do TSE, até hoje, além de seis candidatos a presidente e seis a vice-presidente, já foram solicitados registros de candidatos a governador (58), a vice-governador (58), a senador (104), a deputado federal (2.410), a deputado estadual (4.288) e a deputado distrital (285), além de 209 para suplentes de senadores.

 

Ex-prefeito do PSB declara apoio a Armando

Jaílson do Armazém (PSB), declarou apoio ao candidato da coligação Pernambuco Vai Mudar, Armando Monteiro. Foto: Leo Caldas

O ex-prefeito de Lagoa do Carro, Zona da Mata Norte, Jaílson do Armazém (PSB), declarou apoio ao candidato da coligação Pernambuco Vai Mudar, Armando Monteiro (PTB). Em ato realizado em sua própria casa, na noite deste sábado (11), o socialista disse que a região quer mudança.

“Aderi ao projeto de Armando porque vi que as propostas dele para Pernambuco são muito boas. Além disso, o grupo político e o povo da região de Lagoa do Carro estão querendo Armando. A gente não pode ir contra o povo”, afirmou Jaílson.

“Essa manifestação de confiança, Jaílson, e o apoio que você agora oficializa são muito importantes nessa caminhada que nós vamos trilhar. Você é um homem de compromisso e já demonstrou que tem amor à sua terra. Para mim, é uma honra receber o seu apoio”, respondeu Armando Monteiro.

O candidato a vice-governador da coligação Pernambuco Vai Mudar, vereador Fred Ferreira (PSC), destacou que “as pessoas estão procurando Armando para sair do lado de lá” e integrar o palanque da mudança. “O que está acontecendo aqui em Lagoa do Carro é algo muito feliz “, comentou Ferreira. Já o candidato ao Senado Mendonça Filho (DEM) ressaltou que Armando está ouvindo às pessoas. “Armando está andando pelo Estado e onde quer que a gente vá o sentimento é de mudança.”

No ato de adesão de Jaílson do Armazém, estiveram também o deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos), os ex-deputados Carlos Lapa (PSL) e Carla Lapa (PSC), a ex-prefeita de Tracunhaém, também na Mata Norte, Graça Lapa (DEM), e o ex-prefeito de Lagoa de Itaenga, Lamartine (PTB).

Rompimento de canal da transposição pode ter sido criminoso

Transposição do Rio São Francisco. Foto: Divulgação/Ministério da Integração Nacional

Equipes do Ministério da Integração Nacional informaram hoje (12) que o rompimento de um canal do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, entre os municípios de Terra Nova e Salgueiro, em Pernambuco, na  tarde de sábado (11), tem evidências de ato criminoso.

“Relatos de moradores que vivem no entorno informam que a ação dos envolvidos tinha como objetivo desviar o curso d’água daquele ponto para que fosse possível encher um reservatório nas imediações. Ação semelhante aconteceu em junho do ano passado, em um trecho no município de Cabrobó (PE)”, diz nota divulgada pelo ministério.

A pasta informou que técnicos estão no local atuando para recuperar a estrutura, que deverá ser normalizada em até 48 horas. O ministério conta com o apoio da Polícia Militar do estado para investigação do episódio.

“Paralelamente, também foram designadas equipes para verificar todo o perímetro e avaliar possibilidades de danos a comunidades no entorno. Nas proximidades do canal não há registro de moradores”, diz o comunicado.

Zé Marcos apoiará Armando mas continua no PR – Ex-deputado explica porque deixou palanque governista

Em reunião no Recife o candidato Armando Monteiro recebeu a confirmação do apoio de Zé Marcos. Foto: Divulgação

Convidado pelo candidato ao governo de Pernambuco Armando Monteiro (PTB), do grupo Pernambuco Vai Mudar, para coordenar a campanha no Pajeú, o ex-deputado Zé Marcos (PR), firmou em reunião no Recife, na tarde da quinta (9), o compromisso. O assunto foi amplamente comentado em blogs e no meio político no Estado.

No encontro, onde também estavam presentes o vereador Aldo da Clipsi e os advogados Cleonildo Lopes (Dr. Painha) e Erasmo Siqueira, Monteiro recebeu Zé Marcos e passou as responsabilidades pela articulação no solo pajeuzeiro.

O ex-presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), é o atual vice-presidente do Partido da República (PR) no Estado. O grupo republicano firmou parceria com o PSB para a reeleição do governado Paulo Câmara, mas Marcos de Lima resolveu tomar outro rumo e apoiar Armando. De acordo com ele, “houve um entendimento por parte de todos que integram o PR e principalmente do presidente Sebastião Oliveira, que me deixou à vontade para que eu siga com meu trabalho em palanque diferente e, ao mesmo tempo, fazendo parte da diretoria desse partido que tive o prazer de ser fundador em Pernambuco junto a Inocêncio Oliveira”.

Nesta sexta (10) pela manhã, em entrevista ao jornalista João Carlos Rocha na Gazeta FM, Zé Marcos pontuou os motivos que o levaram a deixar o palanque de Paulo Câmara, citando com principal o tratamento diferente que o governador vinha dando ao seu grupo em relação ao do prefeito Evandro Valadares. Zé Marcos afirmou na conversa que desde o período em que o seu aliado Romério Guimarães (PT) era o gestor municipal Câmara já prestigiava o grupo de Valadares em detrimento ao seu.

Os republicanos de São José do Egito reclamam que Paulo não atuou politicamente como o ex-governador Eduardo Campos, que agregou atenção a ambos os grupos e não subiu em palanques durante as eleições municipais. Paulo Câmara esteve no palanque de Valadares nas eleições de 2016 e fez campanha contra a reeleição de Guimarães.

Mesmo apoiando Armando Monteiro para governador, Zé Marcos enfatizou o seu empenho e trabalho na busca de votos para as reeleições dos deputados Sebastião Oliveira (PR) e Rogério Leão (PR), federal e estadual, respectivamente.

Mendonça defende melhores condições de pagamento de taxas pelos motoqueiros

Mendonça Filho na Rádio Farol, em Taquaritinga do Norte. Foto: Bruno Campos

Em entrevista a Rádio Farol, em Taquaritinga do Norte, na tarde desta sexta-feira (10), o candidato ao Senado pela Coligação Pernambuco Vai Mudar , Mendonça Filho defendeu melhores condições de pagamento de impostos e taxas aos usuários de motocicletas. “O que temos visto é uma perseguição ao pequeno”, criticou o deputado completando, “as taxas estão cada vez mais altas e ainda foi tirada a opção de parcelamento do IPVA”, pontuou.

O deputado diz ouvir essa reclamação por todos os cantos de Pernambuco. “ Ninguém pode mais ter uma moto, que é vítima da perseguição por parte do Governo Estadual e muitas vezes tem que parar o veículo por não ter condições de pagar as taxas exorbitantes”, reforçou.

Durante a entrevista, acompanhado do candidato ao Governo, Armando Monteiro, a Vice-governador, Fred Ferreira, ao Senado Bruno Araújo e do deputado federal e candidato a reeleição, Ricardo Teobaldo e do candidato, Geo

Ainda durante a visita a Taquaritinga do Norte, o grupo se reuniu com o vice-prefeito, Gena Lins, os ex-prefeitos Evilásio e Zeca e com os vereadores João Eugênio e
Rogéria de Zeca. Após a reunião, a comitiva tomou café com o padre Pedro Antônio Filho, na Paróquia de Santo Amaro.