O Afogados da Ingazeira Futebol Clube protagonizou uma das maiores zebras da história da Copa do Brasil na noite de quarta-feira (26), ao eliminar o Atlético-MG, nos pênaltis, depois de um empate em 2 a 2 no tempo normal. O resultado levou à demissão de Dudamel e provocará mais mudanças no Galo.

O estádio onde o Atlético foi eliminado, o Vianão, tem capacidade para apenas dois mil torcedores. A visita mais importante da história, na quarta, inclusive, fez com que a equipe aumentasse esse número, com arquibancadas móveis e camarotes, a elevando para cinco mil pessoas.

O estádio onde o Atlético foi eliminado, o Vianão, tem capacidade para apenas dois mil torcedores. A visita mais importante da história, na quarta, inclusive, fez com que a equipe aumentasse esse número, com arquibancadas móveis e camarotes, a elevando para cinco mil pessoas.

A classificação sobre o Atlético, contudo, dá um belo gás financeiro ao Afogados, já que vale R$ 1,5 milhão. Somado ao dinheiro ganho nas fases anteriores da Copa do Brasil, R$ 1,19 milhão, a “zebra” já assegurou quase R$ 2,7 milhões, o que deve tirar do papel um projeto de centro de treinamento.

No Campeonato Pernambucano, o Afogados está na terceira colocação, com nove pontos. Na Copa do Brasil, antes de passar pelo Atlético, a vítima foi o Atlético-AC, com vitória por 3 a 0 no Vianão.

Fonte: ESPN

Afogados FC elimina o Atlético-MG e protagoniza a maior zebra da Copa do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *